0

Meu Carrinho

R$ 0,00

COMO USAR UM ÓLEO ESSENCIAL

A aromaterapia é muito prazerosa pois os perfumes dos óleos essenciais nos fazem ir ao encontro da nossa própria essência! Uma delícia!

Podemos abraçar essa terapia de corpo e alma, mas para que ela seja nossa aliada devemos respeitar algumas regras muito importantes, além de saber escolher o modo como devemos ir ao seu encontro.

Deixamos aqui algumas dicas para que essa vivência seja sempre positiva, mas se alguma dúvida surgir, entre em contato conosco ou procure um profissional aromaterapeuta.

 

Fatores importantes

Se você se encontra com saúde, não há problema algum em escolher óleos essenciais para o seu bem-estar e utilizar a aromaterapia como medicina preventiva, tornar a atmosfera de sua casa ou espaço de trabalho mais agradável, ou, ainda, como suporte para meditações e desenvolvimento espiritual.

Mas se você está com problemas de saúde e segue um tratamento com medicamentos químicos, o mais adequado é conversar com o seu médico para que ele possa avaliar se é possível usar óleos essenciais.

As mulheres grávidas, amamentando, bebês e crianças de menos de 30 meses devem ter auxílio de um aromaterapeuta, pois alguns óleos essenciais podem ser desaconselháveis nestas condições. Sobretudo a dosagem deve ser escolhida por um profissional levando em conta uma anamnese do paciente.

As pessoas idosas também são mais frágeis e requerem cuidados especiais e acompanhamento no tratamento com óleos essenciais.

Alguns óleos essenciais são fotossensibilizantes, principalmente os cítricos, cuidado ao se expor ao sol.


A dosagem

  Paracelso afirmava que somente a dosagem tornava algo um veneno e isso vale muito para a aromaterapia, já que utiliza substâncias muito concentradas. Para sua segurança e em caso de auto tratamento, escolha utilizar doses fisiológicas:

A 1% = 20 gotas de óleo essencial para 100ml de óleo vegetal ou outra base lipídica.

Para os óleos essenciais mais dermo cáusticos, utilize a dosagem fisiológica de 0,5% = 10 gotas de óleo essencial para 100ml de óleo vegetal ou outra base lipídica.

Se você tiver tendências alérgicas, faça um teste de tolerância antes de fazer o tratamento: Coloque uma gota da preparação na sua pele e observe se há alguma reação.

 

Algumas formas de uso de óleos essenciais

Difusão atmosférica:

 Para o bem-estar, humor, problemas respiratórios, insônia, meditação e muito mais! Normalmente podemos utilizar esse método aproximadamente 15 minutos para pausas de 1h e assim não saturar o organismo. Como fazer: Em um difusor de aromaterapia elétrico coloque 6 gotas de óleo essencial ou sinergia de óleo essencial em um pouco de água. Se escolher utilizar um difusor que aquece com vela, cuidado para que o OE, ou a preparação, não esquente demais pois isso pode alterar as propriedades terapêuticas do OE.

Spray ambiental:

  Para o bem-estar, mudar a frequência vibratória, limpezas energéticas. Como fazer: Use um pulverizador com 30 ml de álcool de cereais para 70 ml de água e coloque 10 à 15 gotas de OE ou sinergia. Agite bem e pulverize o ambiente.

Inalação:

  Indicado principalmente para problemas do sistema respiratório. Como fazer: Colocar 3 gotas em um lenço e inspirar profundamente. Ou utilizar uma tigela com água quente e colocar 4 gotas de OE ou sinergia, e inspirar.

Banho de assento: 

 Para problemas ginecológicos utilizar uma bacia com água morna e uma preparação de OE com uma base lipídica. Como fazerUtilizar uma base lavante neutra ou óleo vegetal,  para misturar os óleos essenciais.

 Banhos:

 Para relaxar, problemas de stress, insônia ou simplesmente para um momento de prazer. Como fazer:  Normalmente 4 colheres de sopa de um excipiente (como mel, sal grosso, leite em pó, argila, creme de leite, gel ducha natural) com 20 gotas de OE são suficientes para uma banheira grande.

Massagem:

  Para bem o bem-estar, relaxar, aumentar a imunidade, antes e/ou depois de um esporte, problemas de pele, limpeza energética, etc. Como fazer: 10 à 15 gotas de OE para 100ml de óleo vegetal ou outra base lipídica como um creme corporal neutro por exemplo.

Massagem na sola dos pés:

  Excelente método para tudo! A sola dos pés é o único local onde podemos utilizar os OE puros, normalmente sem problema algum. Além disso, nossos pés são um mapa do nosso corpo e mesmo se massageamos sem levar em conta os pontos de reflexologia, já é uma dádiva! Além de obtermos um relaxamento profundo com uma massagem dos pés, quando colocamos o OE, ele entra rapidamente na corrente sanguínea levando a mensagem para o corpo inteiro. Como fazer: 1 a 2 gotas de OE puro ou utilizar a mesma preparação que para massagem.

Escalda pés:

 Para relaxar, ativar a circulação, trazer alívio para o corpo cansado, limpar toxinas, aquecer e estimular o organismo. Como fazerPreparar 2 colheres de sopa de OV ou argila e 6 a 10 gotas de OE ou sinergia de OE. Colocar água quente em uma bacia e adicionar a preparação, deixando os pés mergulhados durante aproximadamente 20 minutos.